Lençol De Casal

Zéu Britto

Compositor: Não Disponível

De agora em diante não quero teu tédio
No meio, no fundo, no centro... gozar é o remédio.

Pára de fingir que é santa, que é boa,
Pára de fingir que aceita a divisão de bens.
Pára! Pára!
Eu só quero meu lençol de casal,
O resto fica com você!
Eu só quero meu lençol de casal,
Burocracia é com você!
Eu só quero meu lençol de casal,
Armas de fogo é com você!

Parece loucura brigar por lençol,
Mas esse foi costurado por minha tia mongol
(ahahahahrai)

Pára de fingir que é santa, que é boa,
Pára de fingir que aceita a divisão de bens.
Pára! Pára!
Eu só quero meu lençol de casal,
O resto fica com você!
Eu só quero meu lençol de casal,
Burocracia é com você!
Eu só quero meu lençol de casal,
Armas de fogo é com você!

O hálito roça o dente, o dente roça o pêlo,
O pêlo roça a pele, a pele roça o corpo,
O corpo roça a alma e a alma roça o mundo
E esse negócio de alma na alma é profundo
É o "tete no tete"...
Debaixo da Lua, da noite, do Sol, da manhã, da bomba
nuclear
Eu só quero um amor e um lençol...
O mundo pode acabar!

©2003- 2018 lyrics.com.br · Aviso Legal · Política de Privacidade · Fale Conosco desenvolvido por Studio Sol Comunicação Digital